Abobado

Odeio petralhas | Raça de sangue ruim; corruptos, bandidos, oportunistas, picaretas, malandros…

Archive for janeiro 19th, 2010

Dá-lhe Figueira – Diretoria alvinegra decide romper com a Figueirense Participações

leave a comment »

Prisco Paraíso: Confiou no taco da mesma forma que confinou nas letras do Paulo Afonso. Bem feito!

Figueirense Participações e Figueirense não andarão mais lado-a-lado. O Conselho Deliberativo do clube alvinegro realizou uma reunião com a empresa de Paulo Prisco Paraíso na noite desta terça-feira, dia 19, e não voltou atrás na decisão de antecipar o encerramento da parceria, cujo contrato iria até o ano de 2024.

Ainda que Prisco Paraíso tenha ressaltado a vontade de seguir com a parceria, admitindo inclusive rever alguns quesitos do novo contrato de gestão do futebol do clube(apresentado no final de 2009 e desaprovado por dirigentes alvinegros), o presidente do Conselho Deliberativo, Nestor Lodetti, juntamente com os demais conselheiros da diretoria, decidiram que o próprio Figueirense ficará responsável por administrar o clube.

A data estipulada para que as partes se separem definitivamente é no dia 22 de março. Ainda assim, é bem provável que o imbróglio acabe sendo decidido nos tribunais, já que Prisco Paraíso não parece disposto a aceitar o rompimento de contrato. ClicRBS

Written by Abobado

19 de janeiro de 2010 at 22:58

Política em Santa Catarina: A contaminação inevitável

leave a comment »

Santa Catarina e a polialiança: No estado do vale-tudo, um governo safado e descompromissado com o cidadão

Blog do Canga

Com chegada dos EUA do presidente estadual dos Demos, Raimundo Colombo, e seu incondicional apoio ao meliante Leonel Pavan, estaria montado o bloco dos gangsters para o próximo carnaval?

A pecha de corrupto e ladrão que já vinha grudada no governador Luiz Henrique do "partido que gosta de roubar" (PMDB) é agora reforçada pela perfomance do tucano Leonel Pavan.

Luiz Henrique praticou suas pequenas e grandes tungas mas sem meter muito a mão na graxa. No máximo o seus acólitos apareciam em festas em zonas de Joinville e outras pequenas baixarias.

Já os tucanos sofisticaram as ações do grupo partindo para altos vôos que incluíam muito dinheiro e lances cinematográficos de pistolagem e gangsterismo.

Correndo por fora, os Demos de Raimundo Colombo a tudo assistiam mas se mantinham enquadrados no clássico figurino de não dar bandeira e, claro, não meter (toda) a mão na merda. Estavam passando esses quase oito anos de polialiança incólumes frente aos grandes escândalos protagonizados por Luiz Henrique e seus asseclas.

As apostas eram de que os democratas se blindariam e achariam uma forma de não se deixar contaminar pelas estripulias de Pavan e LHS. Raimundo Colombo, asséptico, surgia como candidato natural dos Demos pra disputar o governo do estado. Ele mesmo, pessoalmente não teria nada a perder pois ainda tem mais quatro anos de Senado.

Foto: editada e publicada por Sérgio Rubim

Leia mais aqui.

Written by Abobado

19 de janeiro de 2010 at 14:40

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 2.519 outros seguidores