Abobado

Odeio petralhas | Raça de sangue ruim; corruptos, bandidos, oportunistas, picaretas, malandros…

Archive for dezembro 13th, 2009

Florianópolis: Fim de Ano dos Sonhos (deles)

leave a comment »

Natal São Paulo: Print do site da Prefeitura de SP que mostra informações sobre a decoração da cidade

A Prefeitura de São Paulo, em seu site, mostra todos os dados relativos à decoração do “Natal Iluminado”. Observem o que a municipalidade gastou (de seu orçamento) para a decoração de toda a cidade. Imagens de alguns pontos da capital paulista, publicadas no Estadão Online neste domingo, poderão ser acessadas clicando aqui. Sem dúvida, será um grandioso natal.

Em Florianópolis a situação é parecida, pelo menos em termos de comemoração. Milhares de pessoas se acotovelarão para ver os shows e a iluminação da árvore de natal que raspou R$ 3,7 milhões dos cofres públicos (embora o secretário de Turismo insista em querer enganar o cidadão afirmando que os recursos são provenientes da iniciativa privada), enquanto poucos (?) aproveitadores assistirão de seus belos apartamentos na Avenida Beiramar Norte ou de suas equipadíssimas lanchas atracadas na baia norte os festejos natalinos e do final de ano, tudo regado a excelentes bebidas e comidas.

A honestidade e a transparência das autoridades é que fazem a diferença nessas questões polêmicas envolvendo a aplicação de dinheiro público. A prefeitura de São Paulo informa o quanto gastou e o que foi realizado em seu site oficial, como já demonstrado.

Agora vamos recorrer ao que está publicado no site da Secretaria de Cultura Esporte e Turismo de Florianópolis e ver quais as informações estão disponíveis ao cidadão com relação ao “Fim de Ano dos Sonhos”.

Natal de Florianópolis: Print de hoje do site da Setur. Tão inoperante quanto o titular da pasta

Bom pra caramba! Não há, nem no site da Prefeitura nem no da Setur, uma única imagem referente à decoração da Natal de Florianópolis. Esta foto, da árvore que mostro abaixo, foi publicada no Diário Catarinense e é de autoria de Glaicon Covre.

A árvore de Florianópolis: Foto de Glaicon Covre publicada no Diário Catarinense em 12/12/2009

A árvore de Florianópolis é linda, belíssima, digna de todos os elogios. Mas isso não justifica o investimento milionário que foi feito pela municipalidade. Convenhamos que R$ 3,7 milhões é muito dinheiro.

Mas o secretário de Turismo diz que quem é contra as comemorações do Natal na “Ilha da Magia” é inimigo da cidade. O que ele não consegue explicar é o que está sendo questionado pelo Ministério Público e Juízo da Vara da Fazenda Pública de Florianópolis.

E, já que a Prefeitura Municipal não manifesta disposição em oferecer transparência às suas ações, principalmente no caso polêmico da famigerada árvore, cabe a quem discorda do modus operandi dessa gente mostrar, através de um único documento, a mentira a quem vem sendo alvo o cidadão de Floriaópolis.

A prova da mentira: Recorte de extrato de contrato publicado no Diário Oficial do Município

Este extrato de contrato, publicado no Diário Oficial do Município em 16/11/2009, não deixa qualquer dúvida quanto à “lisura” do processo. [Clique aqui para visualizar o conteúdo completo em PDF]

A Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo, em 18/11/2009, em seu site, informou que “… são 60 metros de altura, 30 metros de diâmetro e 300 toneladas. A árvore é única no mundo. Seu formato cônico e sua estrutura toda em alumínio a torna diferente de todas já vistas, num monumento natalino exclusivo. Sua montagem também é inovadora, ao invés de maquinários, sua estrutura será montada com o auxílio de 40 alpinistas. De acordo com a empresa que tem exclusividade deste material, a montagem contará com cerca de 200 pessoas”.

Medições feitas após a montagem da estrutura demonstraram que a árvore mede menos do que 43 metros, o que se distancia muitos dos “aproximadamente 60 metros de altura” exigidos no “contrato”.

Altura da árvore de natal de Florianópolis: Foto extraída do site do vereador João Amin. 60 metros?

Diz mais o release publicado no site da Setur (grifos nossos): “É importante ressaltar que o valor investido para a confecção desta monumental árvore é proveniente da iniciativa privada vinculada ao projeto. Pela primeira vez na história da cidade conseguimos com que as festividades do final de ano sejam patrocinadas. Com um projeto inédito, inovador e surpreendente conseguimos importantes parcerias de empresas com grande repercussão nacional, que deixaram de investir no Nordeste e apostaram neste espetacular evento. Com o apoio destas empresas, do Funturismo e da Lei Roaunet, iremos realizar algo nunca visto em Florianópolis, que atrairá turistas de todos os cantos do país e até do mundo, fomentando o turismo em nossa região”.

Não é o que mostra o contrato (ver extrado publicado acima), que é explícito ao estabelecer a origem do dinheiro/despesa (orçamento da Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo).

Quanto aos patrocinadores, até agora o titular da Setur não foi capaz de citar uma empresa sequer que tenha participado diretamente (com dinheiro) no processo da decoração de natal, o que coloca ainda mais nebulosidade nessa polêmica que vem envergonhando e manchando o nome da Cidade de Florianópolis em todo o país.

Vamos aguardar que o Ministério Público e a Justiça cumpram o seu papel constitucional. A população de Florianópolis merece ser tratada de forma digna e respeitosa por parte de suas autoridades. Se iludir com cores e luzes efêmeras é um prato cheio para os aproveitadores que acreditam que sempre ficarão impunes.

O natal da canalhada: Cavallazzi – quanto mais fala mais se atrapalha

leave a comment »

A população de Florianópolis realmente está muito bem servida. A “Ilha da Magia”, a “Capital Turística do Mercosul”, uma das cidades com a “melhor qualidade de vida do país”, etc. e tal, tem um secretário de Turismo que não existe similar em nenhum outro ponto do planeta. Daí sermos os únicos a contar com essa exclusividade.

Dizem que quem vem publicando matérias “contra” a tal árvore de natal de R$ 3,7 milhões é retrógrado, provinciano, viúva das oligarquias, e mais um monte de sandices.

Independente do que pensam e falam os boca alugadas, é bom que se saliente que não há nada contra a árvore, às decorações, os shows, enfim… Florianópolis merece tudo isso e muito mais, principalmente de um secretário de Turismo e um prefeito comprometidos com a cidade. Honestidade e transparência não fazem mal a ninguém.

O secretário de Turismo de Florianópolis é mentiroso, e quanto mais fala mais se atrapalha.

E tem gente que ainda acredita ser ele homem sério!

Leia mais:

Mais uma liminar suspende contrato da árvore de Natal

O Natal da canalhada